scott-webb-18677

Sua filha é um presente e é natural ter receio do futuro. Afinal, todo pai deseja que sua menina cresça forte, saudável, feliz, independente e que seja tratada pelo mundo como ele a trataria.

Para protegê-la alguns pais gostam de brincar com avisos como: “Aqui  tem regras para namorar minha filha”, ou “Eu acabo com você se fizer algo para ela”.

No entanto, será que estes avisos surtem o efeito esperado? Neste artigo,  trazemos algumas reflexões importantes a serem feitas antes de publicar nas redes sociais ou falar coisas como essas.

1 – Cuidado com a forma como fala. Você pode ser mal interpretado  

Ao dizer que “acabará” com os futuros pretendentes de sua menina, caso eles façam algo de errado, você indica que está tomando decisões a respeito da vida amorosa dela. Também dá a entender que vê sua filha e todas as outras mulheres de forma inferiorizada.

Dizer isso em voz alta apenas afastará  a chance de conhecer melhor a pessoa com quem ela se relaciona, ofenderá a mãe de seus filhos, sua filha e não impedirá que alguém faça mal a ela.

Eduque a sua filha para que ela seja próxima e enxergue em você uma fonte de confiança. Ajude-a a desenvolver a consciência do que são relacionamentos saudáveis para que ela saiba escolher com quem se relacionar.

2 –  Converse sobre sexo e relacionamentos de forma realista

Sua menina está crescendo e em breve fará suas próprias escolhas. Nem sempre você estará por perto para protegê-la e por isso ao invés de amedrontá-la com tabus e ameaças, ajude-a a entender que ela merece ser bem tratada.

Importante ainda apontar que ela não pertence a ninguém e é a responsável por mostrar como quer ser tratada, seja pelo namorado, amigos e família.

Pesquisas apontam que meninas que dialogam sobre sexo em casa são menos propensas a engravidarem na adolescência.

3 – Eduque seu filho e sua filha da mesma forma 

Você fica de pé na varanda com feição sisuda tentando intimidar a crush do seu filho?  Portanto não faça isso com sua menina. Tratando-a de maneira diferente, estará reforçando estereótipos com os quais ela vai brigar o resto da vida. Além disso, conhecer as pessoas com quem ela se relaciona aumenta a segurança dela e da sua família.

É importante mostrar que ela nunca deve aceitar menos do que o irmão. Por outro lado também é necessário ensinar ao seu filho que ele não vai se safar de certos comportamentos por ser menino e deve respeitar as pessoas com quem se relaciona.

4 – Nada de ameaças

Vivemos em um mundo violento e quando você diz frases como as citadas acima, brinca sobre a violência e ajuda a torná-la algo normal. Não que ao compartilhar um meme com esses dizeres você realmente vá acabar com alguém, mas é importante não reforçar e propagar a piada. Precisamos interromper o ciclo de violência em que vivemos.

Se você realmente deseja proteger sua filha, trabalhe para tornar o mundo um lugar melhor para as mulheres e para os homens.  Ensine sua filha sobre o seu valor e o do outro no mundo e a importância de tomar as próprias decisões.

Além do mais diga que a apoiará independente de qualquer coisa, pois quer que ela seja um adulto independente e feliz.

 

 

 

Deixe um comentário