DiaDaMenina_2018_Digitais-01

Você sabia que em Outubro é celebrado o Dia Internacional da Menina? A data estabelecida pela ONU desde 2012, dá visibilidade aos desafios enfrentados pelas meninas em todo o mundo e é um excelente momento para despertamos a cidadã do mundo que existe em nossas meninas. 

Em celebração a esta data, realizaremos pela segunda vez o evento: “Mude o Mundo Como uma Menina”, no Unibes Cultural, das 13 às 17h, no dia 20/10. O ingresso é gratuito, reserve seu lugar!

Este encontro especial e gratuito é um convite para toda a família, com palestras de meninas e mulheres inspiradoras que estão mudando o mundo, teatro, atração musical e muitas surpresas. Com apoio do Consulado Geral do Canadá e patrocínio diamante da UBER e ouro da P&G seguimos em frente para Mudar o Mundo.

Convidamos você e a sua menina para um dia muito especial! Inscrevam-se

Conheça nossas palestrantes:

Captura de Tela 2018-09-27 às 13.39.57

Nathalie Beaudoin é Vice-Cônsul e Chefe da seção de assuntos políticos, econômicos e públicos no Consulado Geral do Canadá em São Paulo. Ela tem trabalhado no Departamento de Relações Exteriores do Canadá desde 2007 e tornou-se diplomata em 2009. Ao longo da carreira, ela trabalhou em diversos projetos de alto nível para o governo canadense em missões como o Afeganistão e o Haiti. Ela também trabalhou como chefe de gabinete para o vice-ministro canadense responsavel pelas Américas e atuou na embaixada do Canadá no Haiti como oficial de assuntos políticos.

África e agora está no Brasil.

Luiza Travassos – A jogadora de futebol brasileira de apenas 14 anos foi selecionada pela BBC e apareceu na lista das 100 mulheres mais inspiradoras e influentes do mundo. Luiza, é blogueira da ESPN no Brasil e mantém no Facebook a página Futblog – A Menina que Joga Futebol, diz que seus maiores objetivos são se transformar em atleta profisisonal e também ver o futebol feminino ser reconhecido, no Brasil e no mundo.

Juliana Jaccoub –  Licenciada em Matemática no Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo (IME-USP). Criadora do canal “A Matemaníaca” no Youtube que tem como objetivo popularizar a matemática. Realizou intercâmbio de um semestre com bolsa de Mérito Acadêmico na Aalto University, Finlândia. Atualmente é professora da Roda de Matemática e no Duvidando.

Ana Paula Xongani – criadora de conteúdo e empresária de moda com a marca XONGANI, é uma das idealizadoras do coletivo Influência Negra, que busca ampliar a proporcionalidade das vozes negras na publicidade, especialmente no marketing de influência.

Lara Franciulli –  aos 17 anos, Lara sempre gostou de estudar. Com apenas 12 anos, recebeu medalha de ouro na Olimpíada Brasileira de Matemática e foi convidada a participar da etapa internacional, na Argentina, onde conquistou o bronze. Até hoje, foram mais de dez classificações no pódio de algumas das principais competições científicas do Brasil, além de diversos convites internacionais.

O último deles veio da Organização das Nações Unidas (ONU), que incluiu a jovem na delegação brasileira na 21ª Assembleia da Juventude, nos Estados Unidos.

Manoela Meroti –  Aos 10 anos, ela mostra que o futuro do empreendedorismo começa no ensino fundamental. Palestrante nas edições da Campus Party em São Paulo e Brasília em 2017, Manoela começou a empreender aos seis, vendendo pulseiras de elástico e quadros pintados a mão para clientes do salão de beleza de sua mãe. Seu objetivo: comprar uma boneca.

Desde então, a jovem acumula participações em eventos de inovação e até prêmios por suas ideias. Entusiasta de Tecnologia, a garota mostra de forma simples e lúdica o funcionamento de novas tecnologias complexas como Blockchain e Criptomoedas.

Bruna Lopes – aos 16 anos a  aluna da ETEC,  cursa o ensino médio. Apaixonada pela atuação jovem nos espaços de protagonismo,  busca o engajamento estudantil na sua comunidade escolar, em causas voltadas à educação.

Em 2017, participou do Parlamento Jovem Brasileiro, uma experiência em Brasília, que rendeu à ela o título de Deputada Federal Jovem 2017, com o projeto de lei sobre a erradicação do analfabetismo funcional no Brasil.

Neste ano, participou do programa Yale Young Global Scholarship, na Yale University, com bolsa integral no curso de Política, Direito e Economia.

Cia Realejo – Cia Realejo nasceu do desejo das atrizes-artistas Bruna Recchia, Daniela França, Mariana Marinho, Thai Leão e Thais Rossetto de unir teatro, educação, música, histórias e arte.

Nasce do prazer de se contar e ouvir uma boa história. Da necessidade de estar junto e da crença na potência transformadora do encontro.

Girls Rock Camp – Realizado anualmente em Sorocaba desde 2013, o projeto Girls Rock Camp Brasil, cujo foco principal é o empoderamento feminino através da música,chegou ao cinema em 2018 no filme “Todas as meninas reunidas”. O grupo composto por meninas de 10 a 13 anos, cantará músicas autorais.

Deixe um comentário